POR

/

ENG

Notcias

07/01/2018/ Assessoria de Comunicao, com informaes de Karina Ferreira, da Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer do Recife

Trio Optus e Quarteto Vivace estreiam no projeto Msica na Igreja

Novos grupos representativos da Orquestra Criana Cidad voltam a se apresentar na prxima quinta, s 19h30, na Caixa Cultural Recife

Neste domingo (1), s 17h, a Orquestra Criana Cidad estreou dois grupos de cmara na Igreja da Madre de Deus, dentro do projeto Msica na Igreja, promovido pela Prefeitura do Recife, atravs da Secretaria de Turismo e Lazer da Prefeitura do Recife. O Trio Optus e o Quarteto Vivace apresentaram duas peas de alta magnitude do perodo clssico -- poca que abrange composies escritas entre 1750 e 1810, aproximadamente. Ambas as partituras foram indicada aos alunos pelo maestro Nilson Galvo Jr., diretor musical da OCC. O concerto gratuito aconteceu na Igreja Madre de Deus, Recife Antigo.

O Quarteto Vivace -- formado por Andr Luiz Serapio (violino I), Luhan Lucena (violino II), Ccero Bezerra (viola) e Miquias Santana (violoncelo) -- interpretaram o "Quarteto em sol maior, op. 76 n 1", do austraco Franz Joseph Haydn (1732-1809). J o conjunto integrado por Micaele Cristina (violino), Letcia Ferreira (viola) e Davyd Frana (violoncelo), o Trio Optus, apresentou o "Trio de cordas em r maior, op. 09, n 2", de Ludwig van Beethoven (1770-1827).

"Buscando oferecer oportunidades diversificadas e gratuitas de lazer e cultura para o recifense e os turistas que visitam nossa cidade, o Msica na Igreja acontece no primeiro domingo de cada ms e a cada edio apresenta uma atrao diferente de orquestra ou grupo instrumental.", explica Ana Paula Vilaa, Secretria de Turismo, Esportes e Lazer da Prefeitura do Recife.

MSICA DE CMARA - Na tradio da msica clssica, chama-se de msica de cmara aquela executada por pequenos grupos instrumentais, de dois a nove integrantes: duos, trios, quartetos at nonetos. Conjuntos de dez a vinte instrumentistas j configuram orquestras de cmara. De todo modo, o nome cmara vem das cmaras (recintos) palacianas, onde esse repertrio era costumeiramente tocada. Trata-se de uma tradio musical que requer plenos entrosamento e ateno entre os msicos, alm de maior proximidade e concentrao da plateia -- um universo essencialmente intimista, se comparado pera e msica sinfnica.

Crdito das imagens: Maurcio Ferry / PCR




UPCOMING CONCERTS

26/09/2018

CCO Choro Club at Caixa Cultural Recife

03/10/2018

Child Citizen Infantojuvenile Orchestra

17/10/2018

Child Citizen Infantile Orchestra and CCO Igarassu Choir

click here to download of Cartilha Lei Rouanet

other news



Partners

Follow us on Social Networks

Contact

Contact for events

Rebeca Laranjeira (Bea)

Phones: +55 81 9 9959-9831/81 9 9403-7296

E-mail: eventosocc@gmail.com

Press Department

Carlos Eduardo Amaral

Phones: +55 81 9 8831-9700 (WhatsApp)

E-mail: audicoes@gmail.com

Newsletter

Management

Where there's music there can be no evil
Miguel de Cervantes

Zaite Tecnologia, Empresa desenvolvedora do site.