POR

/

ENG

Revistas

Presente, passado e futuro da Orquestra Criana Cidad

Pela inegvel dinamicidade e preocupao com causas sociais, o juiz Joo Targino, 40 anos, coordenador-geral da Orquestra Criana Cidad dos Meninos do Coque, uma personalidade que se destaca no cenrio nacional. Foi ele quem idealizou a Orquestra e quem contribui, diria e voluntariamente, para a consolidao do projeto, que j coleciona mais de vinte prmios. A alma da Orquestra Criana Cidad , assim, em grande parte, tambm constituda desse esprito jovem e transformador. Aqui, Joo Targino fala sobre planos para o futuro, comenta fatos marcantes e tira dvidas sobre o funcionamento do projeto.

Revista Criana Cidad - Quando o senhor idealizou o projeto, imaginava que ele fosse alcanar o reconhecimento que tem hoje?

Joo Targino Sinceramente, no. Sempre sonhei em implementar um trabalho voltado para a msica junto a uma comunidade pobre da cidade do Recife, com o objetivo de profissionalizar jovens carentes. O que houve com a Orquestra Criana Cidad dos Meninos do Coque foi uma convergncia de fatores positivos manipulados pela mo de Deus, com o objetivo de fazer desse labor social um verdadeiro fenmeno na rea da msica em Pernambuco e, porque no dizer, no Brasil.

A que o senhor atribui o sucesso da Orquestra?

J.T. A uma srie de fatores que se alinham de forma positiva, dentre os quais posso destacar: a) A unio de propsitos que ocorre entre minha pessoa, a do desembargador Nildo Nery (presidente da Associao Beneficente Criana Cidad) e a do atual maestro da Orquestra Lanfranco Marceletti. O mesmo ocorreu com o saudoso maestro Cussy de Almeida, to importante para que o projeto alcanasse o nvel a que atingiu; b) A qualificada equipe de professores, que compartilha, junto com os funcionrios, todas as conquistas obtidas pela Orquestra; c) A confiana dos patrocinadores e parceiros, que abriram as portas de suas instituies, de seus coraes e de seus cofres, fazendo com que aquilo que habitava no plano ideal pudesse ser transposto ao plano concreto, do real, em nome do sacrossanto Princpio da Dignidade da Pessoa Humana e; d) Ao apoio e carinho dispensados pelo ex-presidente Lula a esta causa cidad.

De que forma os principais parceiros do projeto tm contribudo?

J.T. - Evidentemente que os principais parceiros do projeto contribuem com quantias financeiras, no entanto, importante destacar que h certas pessoas fsicas ou empresas que so de importncia capital para o projeto. Mesmo no aportando qualquer soma pecuniria, fazem com que grandes portas se abram Orquestra, seja por meio da divulgao do projeto, seja pela consecuo de patrocinadores ou pela prtica de qualquer outro ato de colaborao para o engrandecimento do trabalho. Aproveito a oportunidade para agradecer ao Exrcito Brasileiro pela construo da escola de msica, hoje denominada Maestro Cussy de Almeida, em rea pertencente ao 7 DSUP. Agradeo tambm aos demais parceiros CNI, Chesf, Caixa, Celpe, Unimed Recife, dentre outros, que nos ajudam de forma grandiosa, trazendo dignidade e todo o apoio indispensvel para as 130 crianas e adolescentes que constituem a Orquestra.

Falando um pouco sobre o funcionamento do projeto: Por que o Coque foi a comunidade beneficiada?

J.T. Por ser a rea de maior ndice de violncia e de menor ndice de Desenvolvimento Humano (IDH) da cidade do Recife. Portanto, a opo foi tcnica.

Quais os principais benefcios que os alunos usufruem na Orquestra?

J.T. Sem nenhuma dvida, o principal benefcio que a garotada tem usufrudo diz respeito absoro de valores morais e sociais que os tm transformado em verdadeiros cidados. O projeto investe tambm nos cuidados nutricionais e alimentares dos alunos, assim como no que se refere incluso digital e reforo escolar, alm de ministrar aulas de lnguas estrangeiras (ingls e espanhol), sem esquecer-se dos aspectos mdico e odontolgico. , no dizer do maestro Cussy de Almeida, um projeto blindado, ou seja, sem furos.

Em que hiptese a criana pode ser desvinculada do projeto?

J.T. O aluno, para ser completamente desligado do projeto, ter que demonstrar falta de aptido, abandono s aulas ou cometer um gesto de indisciplina grave, a tal ponto que sua permanncia fique insustentvel.

O que est sendo programado para o aniversrio de cinco anos da Orquestra Criana Cidad?

J.T. Esta data tem grande significado para o projeto e, por essa razo, est sendo preparado um aniversrio especial, no qual sero ofertados, comunidade pernambucana e, em especial, a do Recife, dois presentes carinhosos: primeiro, a constituio da Orquestra Jovem Criana Cidad, formada pelos 45 alunos mais brilhantes do projeto ao longo deste quinqudio, sendo este grupo agraciado, mensalmente, com bolsa-auxlio pela labuta que desempenhar. Tambm estamos preparando o lanamento das pedras fundamentais da Sala de Concertos Presidente Lula, bem como da Escola de Msica Maestro Cussy de Almeida, ambas a serem erigidas em terreno doado pela Unio, no Bairro do Cabanga.

Quais as suas perspectivas de futuro como coordenador-geral da Orquestra?

J.T. Espero, sinceramente, que o projeto siga a trajetria ascendente que tem cumprido desde o seu princpio e, que, ao final do tempo de permanncia de cada aluno, possa ele estar profissionalizado. Este objetivo do projeto.

O projeto ser ampliado e beneficiar mais crianas e adolescentes?

J.T. A expectativa de que o projeto seja ampliado, mediante o surgimento de novas Orquestras Criana Cidad em outras comunidades pobres do Recife, ou mesmo em outros municpios. O projeto nasceu com essa perspectiva. Veja s! Orquestra Criana Cidad dos Meninos do Coque, Orquestra Criana Cidad dos Meninos de Santo Amaro, Orquestra Criana Cidad dos Meninos dos Coelhos, e assim por diante... No entanto, imprescindvel que se consolide financeiramente a que existe, para que se pense na implantao de outras. Tudo ao seu tempo.

O senhor vai continuar acompanhando a trajetria dos msicos de alguma forma?

J.T. Trabalho junto com todos os que fazem a Orquestra para que se possa acompanhar os ex-alunos da Orquestra Criana Cidad, de preferncia nos noticirios nacionais e internacionais, com destaque no sentido de que um ex-morador de uma favela do Recife, a quem foi conferida oportunidade em um projeto social denominado Orquestra Criana Cidad dos Meninos do Coque, brilha na sinfnica de... Ou na filarmnica de.... Este meu mais profundo desejo.

PRXIMOS CONCERTOS

19/08/2017

Concerto comemorativo de 11 anos da Orquestra Criana Cidad

Clique aqui e baixe a Cartilha Lei Rouanet

outras matrias desta edio



Apoio

Patrocnio

Patrocnio Master

Realizao

Acompanhe-nos nas Redes Sociais

/criancacidada

Contato

Contato para Eventos

Gabryella Boudoux

Fones: 81 3428.7600/81 9 9403.7296

E-mail: eventosocc@gmail.com

Assessoria de Imprensa

Carlos Eduardo Amaral

Fones: 81 3428.7600 | 81 9 8831-9700

E-mail: audicoes@gmail.com

Onde h msica no pode haver maldade
Miguel de Cervantes

Zaite Tecnologia, Empresa desenvolvedora do site.