POR

/

ENG

Revistas

Currculo de professores valoriza projeto

O resultado tcnico e artstico dos Meninos do Coque vem tambm pelas mos dos 16 profissionais da msica que integram o corpo docente da Orquestra

A desenvoltura na prtica instrumental adquirida pelos integrantes da Orquestra Criana Cidad em to pouco tempo impressiona muitos profissionais da msica que j passaram pela Escola Maestro Cussy de Almeida. Para obter bons resultados, os alunos adotam uma rotina de esforo e dedicao mas so as mos dos professores do projeto que refinam cada talento musical.

Com uma equipe de 16 mestres de msica qualificados, o projeto oferece, desde 2006, aulas em grupo e individuais para cada instrumentista, de segunda-feira a sbado. Alm do estudo e prtica dirios, a disciplina e a experincia em sala de aula que fazem de um professor um excelente profissional. Ele precisa incentivar os garotos a querer aprender mais e cobrar deles tambm. Assim, conseguiro uma resposta satisfatria, explica a coordenadora pedaggica e maestrina-assistente da Orquestra, Aline Lima.

Quando a Orquestra Criana Cidad iniciou as atividades, o falecido maestro Cussy de Almeida se responsabilizou pela seleo de profissionais com experincia em ensino musical em projetos sociais. A maioria dos professores que trabalhavam com ele na iniciativa Alto do Cu (projeto similar ao dos Meninos do Coque) foi encaminhada Orquestra, formando um grupo de educadores que, alm de possuir grande conhecimento musical, leva os valores humanos para dentro da sala de aula. Meus professores so timos, a aula deles tudo de bom, diz a aluna de canto e coral Elianderci de Barros.

Essa valorizao do lado humano vem da utilizao do mtodo Suzuki nas aulas, desenvolvido pelo japons Schinichi Suzuki, que prope o ensino da msica em um ambiente similar ao materno, de amor, carinho e bons exemplos. O maestro Cussy adotou o mtodo em sua coordenao musical na Orquestra, que agora est sendo continuada pelo regente e pianista Lanfranco Marcelletti. O melhor da aula que a gente se diverte e tem uma amizade com o professor, conta o aluno de percusso Thierry dos Santos.

Cada educador possui uma caracterstica prpria ao passar os contedos nas aulas, o que atrai a curiosidade dos estudantes. Diogo
Vasconcelos, por exemplo, ensina violino de uma forma mais dinmica e interativa. Nas minhas aulas, gosto muito de comear com alguma brincadeira, principalmente em uma turma de iniciantes. preciso ter muita cautela e pacincia com as crianas que esto comeando do zero, explica Vasconcelos.

O professor de percusso Enoque Souza preza pelo ensino dos conceitos mais bsicos da msica, como a postura do aluno diante de um instrumento, aliados prtica. Principalmente em sua disciplina, onde o aluno toca bateria, conjunto de tambores que requer uma boa coordenao motora do msico para ser percutido. muito importante sincronizar a prtica teoria. Em muitos lugares, a teoria musical ensinada depois de um ano de aprendizagem. Aqui no, j temos que ensinar os dois. Por isso, o aluno daqui aprende muito rpido, argumenta.

Segundo Souza, o projeto est frente, em termos tcnicos, de muitas instituies. Em visita recente ao projeto, o maestro italiano e professor dos cursos superiores e de mestrado no Conservatrio de Msica A Boito, Parma, Luigi Abbate ficou impressionado com a destreza das crianas na execuo de peas musicais. A evoluo desses alunos comprova que seus professores so de primeirssima qualidade, elogiou Abbate, no ensaio da Orquestra.

Mas o aprendizado mtuo. Enquanto o professor ensina, ele tambm est reciclando seus conhecimentos musicais e descobrindo novas formas de educar. O bom de ensinar no projeto que ns aprendemos muito com esses meninos. Aprendemos a superar os desafios de um professor e a aperfeioar mais o talento de cada aluno, diz a professora de violoncelo Anglica de Freitas.

PRXIMOS CONCERTOS

23/10/2017

Abertura da Semana Nacional de Cincia e Tecnologia

29/10/2017

Encerramento do 1 Festival do Livro do Ipojuca

Clique aqui e baixe a Cartilha Lei Rouanet

outras matrias desta edio



Apoio

Patrocnio

Patrocnio Master

  • Ipojuca

  • Coque

Realizao

Acompanhe-nos nas Redes Sociais

Contato

Contato para Eventos

Gabryella Boudoux

Fones: 81 3428.7600/81 9 9403.7296

E-mail: eventosocc@gmail.com

Assessoria de Imprensa

Carlos Eduardo Amaral

Fones: 81 3428.7600 | 81 9 8831-9700

E-mail: audicoes@gmail.com

Newsletter

Gesto

Onde h msica no pode haver maldade
Miguel de Cervantes

Zaite Tecnologia, Empresa desenvolvedora do site.