POR

/

ENG

Revistas

Eitiqueta Musical - Por dentro de todos os movimentos

Concerto ou concertino? A pea acabou ou entrou no intervalo? J posso aplaudir? Saiba como agir nessas e em outras situaes de um concerto de msica clssica



O cenrio da cultura erudita no Estado de Pernambuco segue em expanso. O nmero de concertos e de orquestras cresceu, e a criao de programas sociais patrocinados por organizaes no governamentais (ONGs) levou a msica a todas as classes sociais e faixas etrias. Parcerias entre equipamentos culturais e projetos relacionados msica clssica tambm impulsionaram o aumento do pblico nas apresentaes. Diante dos dados expostos, uma das preocupaes que rondam a cabea das pessoas : como se portar em um concerto?

Apesar da sensibilidade auditiva do ser humano ser a mesma, e as notas chegarem aos ouvidos de todos pelo mesmo canal, em muitos casos alguns espectadores sentem-se receosos nas apresentaes, com medo de cometer gafes ou atrapalhar o andamento do concerto. Isso acaba por afastar muita gente dos teatros, criando uma barreira de aceitao ao estilo erudito.

A msica uma arte democrtica, no escolhendo qual perfil ou classe social vai atingir. Segundo a instrumentista, professora de viola e maestrina assistente da Orquestra Criana Cidad, Aline Lima, os concertos tm uma dinmica que deve ser seguida para assegurar o seu bom desenvolvimento.

Para o maestro da Orquestra Criana Cidad, Gustavo Paco de Gea, para saber como se comportar em uma apresentao necessrio conhecer um pouco sobre a msica erudita antes. Existem dois tipos de concerto, e pouca gente sabe as caractersticas de cada um, afirma. H o concerto-evento, que congrega msicas variadas numa s exibio, e o concerto-obra, uma estrutura de composio que engloba vrios temas musicais
pertencentes a uma mesma pea.

O tipo obra geralmente dividido em trs partes, chamadas movimentos. A primeira delas a maior e apresenta a temtica central do concerto. Essa fase marcada pela exibio eloquente da orquestra, com ritmo mais acelerado, e atuao de solistas. A segunda mais tranquila; a msica se mantm mais uniforme. J na terceira, pode-se dizer que acontece o fechamento com chave de ouro. Essa parte tem um andamento ainda mais rpido que o primeiro; o momento em que grupo retoma a empolgao para o encerramento da pea. A obra Lago dos Cisnes, de Tchaikovsky, um exemplo dessa forma estrutural de composio.

H tambm peas em que o autor condensa os trs movimentos em um s. Essa estrutura chamada de concertino, que se difere do concerto pelo fato de ser menor e no possuir intervalos. A msica erudita tambm composta por outros estilos de pea: sutes peas programticas que contam uma histria , sinfonias estruturas musicais que podem ser inspiradas em algo, mas no so originadas de uma obra j existente , sonatas composies para instrumentos solistas , entre outras formas musicais.

Segundo Paco, os eventos de msica clssica, conhecidos como concertos, ainda so divididos em comemorativos ou clssicos. Como os nomes j sugerem, os comemorativos tm uma temtica especfica, como Dia das Mes ou Natal. Os clssicos celebram msicas eruditas escolhidas pelo diretor musical do evento.

Habitualmente, os eventos so constitudos por uma abertura, a execuo de um concerto com um solista, um intervalo e uma sinfonia para encerrar a apresentao. Em alguns casos, quando h corte de gastos e no possvel contratar um solista, o concerto substitudo por uma sute para cordas, que no precisa de solista, aponta o maestro.

Paco afirma que conhecer a dinmica das apresentaes eruditas importante. No entanto, preciso ir ainda mais alm e exercitar a sensibilidade, a fim de aproveitar cada momento de uma obra. A partir do momento em que voc volta toda a ateno para a performance que est sendo desenvolvida, fica mais fcil sentir a sensao de prazer que a msica passa, completa o regente.



QUAL A HORA DE APLAUDIR?

A apresentao iniciou, e um celular comeou a tocar; era uma msica clssica, mas o silncio do teatro fez o aparelho parecer um alto-falante. Essa uma situao vexatria; por vezes, cmica, que, s vezes, acontece durante a apresentao de uma orquestra e desconfortante para os msicos que esto concentrados no palco. Uma das caractersticas da msica erudita a variao de tons, ora altos, chamados de fortssimo; ora baixos, denominados pianssimo. O silncio primordial para apreciar a beleza de cada uma dessas passagens.

A violista e professora da Orquestra Criana Cidad Aline Lima aponta que o silncio, acima de tudo, um ato de respeito do pblico com o instrumentista. extremamente desagradvel quando voc est tocando e percebe as pessoas conversando na plateia. Isso tira a nossa concentrao e prejudica o andamento da apresentao, comenta a musicista.

Segundo Aline, as pessoas devem ter em mente a funo de um concerto clssico: quem est l deve ouvir e no ser ouvido. Entre as gafes mais cometidas nas exibies de grupos eruditos, esto: uso de cmeras com flash, levantar no meio da apresentao, comer durante o concerto e falar ao telefone celular.

Algumas mes tambm tm o costume de levar crianas muito pequenas aos espetculos. Em alguns casos, elas podem se assustar com o som e comear a chorar; mesmo sem inteno, os pequenos acabam por atrapalhar o andamento da apresentao. A maestrina recomenda que as mames evitem levar as crianas muito novinhas aos concertos para evitar constrangimentos. Em alguns pases, os teatros disponibilizam um lugar especfico para mes com crianas de colo. Esses espaos possuem um vidro que impede a propagao do som de dentro para fora. Nesses casos, as mes podem levar os bebs sem medo de atrapalhar os msicos, conta a instrumentista.

O programa do concerto o mapa de quem vai assistir apresentao. Eles esto sempre disponveis nas entradas dos teatros ou em qualquer outro lugar onde a apresentao realizada. Acompanhar o livreto faz com que o espectador saiba tudo o que vai acontecer, como a execuo de cada movimento, a indicao da hora de aplaudir e o intervalo, que geralmente uma pausa de dez minutos, ideal para tomar uma gua, ir ao toalete ou esticar as pernas.

Aline Lima tambm comenta que no to difcil saber o que fazer durante um concerto. Basta se pr no lugar dos msicos e agir com respeito, evitando chamar ateno. Seguindo essas recomendaes, certamente as pessoas vo conseguir apreciar o concerto da melhor forma possvel, pontua a maestrina.

PRXIMOS CONCERTOS

24/08/2017

Recebimento da Medalha de Mrito Jos Mariano

Clique aqui e baixe a Cartilha Lei Rouanet

outras matrias desta edio



Apoio

Patrocnio

Patrocnio Master

Realizao

Acompanhe-nos nas Redes Sociais

/criancacidada

Contato

Contato para Eventos

Gabryella Boudoux

Fones: 81 3428.7600/81 9 9403.7296

E-mail: eventosocc@gmail.com

Assessoria de Imprensa

Carlos Eduardo Amaral

Fones: 81 3428.7600 | 81 9 8831-9700

E-mail: audicoes@gmail.com

Onde h msica no pode haver maldade
Miguel de Cervantes

Zaite Tecnologia, Empresa desenvolvedora do site.