POR

/

ENG

Revistas

Aprender msica agora obrigatrio

Escolas tm um novo e grande desafio para 2011: inserir a Cincia dos Sons no currculo do ensino bsico

A lei que determina a obrigatoriedade do ensino de msica nas escolas (n 11.769), sancionada pelo ex-presidente Lula em agosto de 2008, acaba de entrar em vigor. As comunidades acadmicas tm at agosto deste ano para inserir a msica no currculo, sendo que a nova disciplina ser ministrada nas aulas de artes. A notcia agradou muito os ouvidos de pedagogos e msicos, mas no deixou de causar receio e interrogaes nesses profissionais. A questo recai sobre como os professores e as escolas vo lidar com a diviso de uma disciplina em duas reas complexas e repletas de nuances.

Para a realidade brasileira, trs anos de 2008 a 2011 ainda so curtos para o processo de adaptao dessa arte ao currculo das escolas. No se trata apenas da aquisio de instrumentos musicais. O problema reside na diviso de uma disciplina em dois contedos profundos, que precisam ser desenvolvidos em sala aliando a teoria prtica. preciso que haja uma reviso da matriz curricular dos colgios. Assim, ser determinado o tempo de aula para cada contedo, opina o diretor da Escola de Artes Joo Pernambuco, Abrao Marreira.

Assim como o estudo dos nmeros e da lngua portuguesa, a msica essencial para o desenvolvimento social e cultural do ser humano. Ela no pode ser vista como um complemento para as outras disciplinas, pois tem seus prprios objetivos e demandas. Por isso, essencial que, desde o incio da formao escolar, os alunos comecem a explorar, experimentar e criar sons, como nos pases europeus. A msica deve estar presente durante toda a formao do aluno, pois ela desenvolve a cognio e percepo, ressalta Marreira.

Na Escola Americana do Recife, por exemplo, o ensino da msica obrigatrio desde o pr-escolar at ao 5 ano. Aps esse ciclo, ela se torna eletiva: os alunos que se interessarem tm a opo de escolh-la como disciplina. Eu defendo a ideia de que toda criana deve aprender a apreciar os ritmos, a musicalizao e ter sensibilidade. Mas quando ela alcana outro nvel de compreenso, ela poder escolher se quer se aprofundar na rea, como aprender a ler partituras, explica a professora de msica do colgio e mestranda em Educao Musical, Kadna Cordeiro.

Um dos grandes resultados do trabalho da professora Kadna a banda de Rock TJI Thursday, formada por sete alunos, que j se apresentou no Manhattan Caf Theatro. Foi uma experincia nova se apresentar para muitas pessoas. Foi legal, o resultado foi muito bom, disse o violonista Felipe Ven, que est no 2 ano do ensino mdio. A banda, que j ensaiou ritmos como jazz, blues, rock e, agora, inicia o ano com msica brasileira, um estmulo para os outros alunos da escola. At os menores j fizeram um abaixo-assinado exigindo a formao de um grupo musical na sala deles, comenta Kadna.

Enquanto isso, outra polmica repercute nos fruns sobre a nova lei: o veto do artigo 2, que determinava a especializao do profissional que fosse ensinar msica. A razo para a suspenso que [...] no Brasil existem diversos profissionais atuantes nessa rea sem formao acadmica ou oficial em msica e que so reconhecidos nacionalmente. De fato, a afirmativa vlida, mas preciso analisar se esses profissionais esto aptos para serem educadores ou, ainda, se as escolas vo se valer do artigo para encarregar o professor de artes, tradicionalmente polivalente, como responsvel pelo ensino da msica.

Em Pernambuco, a Secretaria de Educao prope que cada escola capacite os professores responsveis pela aula de msica. Aqui no possumos nmero suficiente de licenciaturas em msica para atender uma grande quantidade de escolas. mais vivel que o educador receba uma formao onde leciona, contextualiza a gerente de polticas educacionais de educao infantil e para o ensino fundamental da Secretaria de Educao, Zlia Porto.

Em meio a indefinies e necessitando ainda de muitas discusses, a nova lei no deixa de representar um grande passo na educao brasileira. Quem j tem a oportunidade de estudar msica desde pequeno sabe o quanto ela faz bem ao ser humano. Quando estou estressado, vou tocar bateria. A msica relaxa, disse o baterista da banda TJI Thursday, da Escola Americana do Recife, Gabriel Andrade Neves.

Mais Educao

Na escola pblica Pintor Lauro Villares, localizada na comunidade Roda de Fogo, o jovem Robson Ferreira toca caixa na Banda de Fanfarras da instituio, que oferece oficina de msica extracurricular para os alunos atravs de um programa do governo, o Mais Educao. Eu quero me formar como msico e me tornar um maestro, anseia o garoto.

A escola uma das 400 em Pernambuco que participam desse programa, lanado em 2007 pela Secretaria de Educao do Estado. Atravs da ao, o governo disponibiliza verba para a aquisio dos instrumentos. As aulas ocorrem no perodo livre dos alunos do 1 ao 9 ano, duas vezes na semana, e j modifica o dia a dia dos aprendizes. Um dos trunfos dessa oficina que estamos tirando os meninos das ruas e dando a oportunidade de ingressarem na banda e ter uma profisso, disse o professor de msica, formado na Escola Joo Pernambuco, Joo Martins.

Mesmo assim, a falta de investimento ainda desestimula o interesse dos alunos pelo curso. O governo precisa investir na estrutura fsica das escolas, como em salas de msica com acstica, adequadas para a atividade. Como no temos um local apropriado para os ensaios, acaba que o som escutado pelas outras turmas que esto em perodo de aula normal. Se os meninos tambm no recebem refeio para continuar na escola, eles acabam voltando para casa, explica a coordenadora do Mais Educao na Escola Pintor Lauro Villares, Marinalva Silva.

Benefcios

A msica ajuda no desenvolvimento intelectual dos alunos e auxilia no aprendizado em diversas outras reas. A constatao de um grupo de pesquisadores da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos. No estudo divulgado no fim de 2010, eles garantem: o aprendizado da msica estimula a plasticidade do crebro, ou seja, a capacidade de aprender com mais facilidade e se adaptar melhor s exigncias ao longo da vida. Na Orquestra Criana Cidad Meninos do Coque, h um exemplo comprovando que, de fato, a msica pode desenvolver o intelecto dos jovens.

O adolescente Fgner Zumba Monteiro, 18 anos, mudou aps entrar para o grupo musical. J havia reprovado vrias vezes na escola e, aps os conselhos do maestro Cussy de Almeida e a insero da msica no dia a dia, ele conseguiu dar uma guinada em sua vida. Antes eu ficava na rua badernando, pichava, andava com um pessoal errado. Hoje eu j consegui concluir meus estudos e estou at pensando em fazer vestibular ano que vem, revela o garoto.

A professora de violino Carmen Lcia Amorim, 62 anos e com mais de 30 anos de experincia no campo musical, acredita que, a partir da msica, h um aprimoramento em outros campos. O estudo da msica vai contribuir para o desenvolvimento da percepo em outras reas. Ajuda na transferncia de conhecimento e velocidade do aprendizado. Muitos no percebem, mas a msica uma atividade ldica. No ingls, to play significa tanto brincar como tocar algum instrumento. E esse tipo de meio estimulante para a facilitao do aprendizado, afirmou.

Msica em 1 lugar

Aps a obrigatoriedade do ensino da msica nas escolas, outras boas novidades vm estimulando o interesse pela rea em Pernambuco. Entre os dez primeiros colocados do vestibular de 2011 da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), seis cursaro msica. Um deles o clarinetista da Orquestra Sinfnica Jovem do Conservatrio Pernambucano de Msica (OSJcpm) Davi Campos.

Davi tinha 13 anos quando iniciou os estudos de teoria musical, quando mal imaginava que um dia seria o primeiro lugar da UFPE. Foi uma bno muito grande. Hoje, primeiramente Deus e segundo a msica, que ele colocou na minha vida, me ajudaram a chegar onde estou e obter esse resultado fantstico, ressalta o jovem, que tambm estuda no Centro Profissional Criatividade Musical do Recife (CPMR) h cinco anos.

Apesar de no haver sido beneficiado com aulas de msica durante o ensino bsico, o clarinetista sempre estava em contato com a arte na igreja evanglica que frequentava, onde participava da banda da instituio. Hoje, Davi j o chefe de naipe de clarinete na OSJcpm. O trabalho da Orquestra de praticar o que iremos encontrar no mundo erudito, o repertrio, as posturas musical e profissional de um msico. Enfim, uma fonte inesgotvel de conhecimento e aprendizado, reflete o garoto.

Alm disso, Davi Campos tambm recebeu um clarinete como presente do prefeito de Abreu e Lima, alm da oportunidade de lecionar iniciao musical em um projeto para comunidades do municpio. Ser muito enriquecedor. Mas o meu sonho continua sendo ser msico de uma orquestra profissional, ressalta Campos.

PRXIMOS CONCERTOS

27/04/2017

Concerto didtico com o Quarteto Groovy

02/05/2017

Ncleo Popular da OCC

03/06/2017

2 Concerto Oficial da Temporada 2017

Clique aqui e baixe a Cartilha Lei Rouanet

outras matrias desta edio



Apoio

Patrocnio

Patrocnio Master

Realizao

Acompanhe-nos nas Redes Sociais

/criancacidada

Contato

Contato para Eventos

Gabryella Boudoux

Fones: 81 3428.7600/81 9 9403.7296

E-mail: eventosocc@gmail.com

Assessoria de Imprensa

Carlos Eduardo Amaral

Fones: 81 3428.7600 | 81 9 8831-9700

E-mail: audicoes@gmail.com

Onde h msica no pode haver maldade
Miguel de Cervantes

Zaite Tecnologia, Empresa desenvolvedora do site.